Textos


AMOR AOS PALHAÇOS...

Tenho amor aos palhaços,
pela sua disposição em abrir os braços,
e acolher em si a dor alheia,
como se fossem suas...
Amo as cores dos palhaços,
arco-iris que lhe vestem e revestem,
como se não houvem cinzas e negrumes
nos olhos de quem os olham...
Adoro as palhaçadas dos palhaços,
aquelas piadas que tão sem graça
aos nossos ouvidos velhos,
tem tanto encanto aos nossos corações,
que emocionados relembram nossa infância,
e nas nossas mãos de criança,
sentem estas emoções tateis...
Tenho amor e pendor aos encantos dos palhaços,
luzes a refletirem-se por um prisma de amor!
E quanto respeito tenho aos homens que se transvestem:
Conseguem ser mais do que são!

Edvaldo Rosa
WWW.SACPAIXAO.NET
10/03/2007

Ri palhaço!

 

Não chore palhaço,

esconda as lágrimas

atraz de sua mascara!

Não deixe que seu público

perceba do palhaço as lágrimas...

Não chore palhaço,

não deixe que percebam

que o palhaço tambêm tem um coração!

Que o palhaço também ama e sofre

pela pessoa amada!

E quando chorar,

não deixe que suas lágrimas

entristeçam a tua graça de palhaço...

Pois tens que alegrar a platéia,

que sem ti não sabe gargalhar!

Venha palhaço...

Não deixe que a tua tristeza

estrague o show!

Ri palhaço,

mesmo que teu coração sangüe!

O espetáculo tem que continuar,

pois o publico não sabe se alegrar sem ti!

Não sabe sorrir...

Nem sabe sonhar!


Eudália A.


16/01/2007

Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 27/07/2007


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr