Textos


Acertos e desacertos...


Chega um momento na vida,
que viramos a face para tráz,
sob o olhar atento a passagem do tempo,
memórias se refazendo
trazendo os acertos e os desacertos
que apertando o nosso peito,
alegrias e tristezas ao nosso coração nos traz...
Quantas foram as vezes que não demonstrei amar-te,
poucas palavras, poucos gestos...
Quantas foram as horas, solitárias,
que passastes temendo um futuro incerto...
Quantas foram os meus erros...
Mas não foram tantos os meus acertos?
Também te amei por inteiro,
não deixando nenhuma dúvida no amar-te!
Quanto te quiz, bem-disse, venerei...
Quanto!? Nem sei dizer...
Quanto tu tambêm não errou?
Quantos não foram os teus acertos?
Viremos a nossa face,
miremos então o nosso futuro...
Nele existirão outros acertos,
outros desacertos existirão...
A escolha é apenas nossa,
de nossa alma, de nosso coração!

Edvaldo Rosa
WWW.SACPAIXAO.NET
09/07/2007
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 09/06/2007


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr