Textos


DIA DA SAUDADE...

Tem dias em que me bate um não sei o quê,
que abate meu ânimo em pleno voo,
não sei o que penso, nem penso no que sinto...
Tão estranho, esquisito,
como a procura de algo, ou de alguém!
Tem horas nestes dias,
que meus olhos embaçam,
qual vidraça num ambiente quente,
diante da tempestade que irrompe do outro lado indiferente...
Tão imerso nestes momentos que não passam,
que não cessam de tão pleno de eternamente,
até o silêncio me é sufocante;
Seria saudades do que ainda eu possa vir a ser?

Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
31/01/2014
 
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 03/02/2014
Alterado em 11/03/2014


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr