Textos


Condensando sentimentos em poemas...
 
Na solidão e no silêncio de meus momentos,
Diante da palidez de folhas em branco,
Vou escrevendo sentimentos, através de sulcos negros,
Que de minha mão trêmula se fazem... –Machucando a página!
De meu coração e pensamento,
Vão desfilando pela folha já nem tão alva,
As declarações de amor, que te fiz, ao pé do ouvido!
Eu e a folha, silenciosa ouvinte, confidente calma,
Dividimos o que me toca a alma!
Finda a escrita, do colóquio comigo mesmo,
Na minha face uma lágrima corre
Em direção do sorriso que em minha boca se instala...
Escrevi... Condensando sentimentos em poemas!
Transformando a minha confidente em um espelho,
Em que os contornos de tua face, minha amada,
Nos coloca frente a frente, através das palavras!
 
Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
11/12/2013
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 11/12/2013


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr