Textos


Desejos...

Como me enlouquecem os desejos,
da fruta, teu corpo, presos em meus dedos...
O nectar, o sumo, o confeito...
Que derramamos um sobre o outro,
com o impulso descontrolado
em nossos beijos!
Como me perco,
entre a polpa que ofereces á minha boca,
e o mel que sugo em desespero!
Que respinga em minha face...
Como as gotas de chuva,
a refrescar-me por inteiro!
Desejos... Desejos... Desejos...
Arrebentam em meu peito,
como as vagas do mar...
E como elas, feito ondas, me vem e vão...
Sem tempo para acabar!

Edvaldo Rosa
WWW.SACPAIXAO.NET
12/02/2007
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 12/02/2007


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr