Textos


Cinco letras... Milhões de sentidos!

Para José Roberto de Assumpção
 
Minhas palavras não são coisas poucas;
São sons saídos da boca,
Ecos do que vibra no meu coração...
Mas também são as únicas maneiras,
De tentar dizer o que penso...
Nas entranhas de meu espírito!
Palavras são as únicas ferramentas,
Com as quais edificarei o que sinto...
No ar frio de Curitiba,
Sinto aquecido o meu espírito!
E meus sorrisos são todos de alegria!
E das palavras que penso,
Colho Amigo!
Cinco letras, milhões de sentidos!
Alento! Encanto! Destino!
 
Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
19/05/2011
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 19/05/2011
Alterado em 07/07/2011


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr