Textos


Carta para  Glória Sales...
 
Hoje estive pensando em nós! E por mais estranho que pareça, existem carinho e amor nos enlaçando, fazendo-nos parceiros nesta estrada da vida!
Tudo começou ao acaso, um encontro na net, impessoal, que foi com o tempo se transformando e crescendo dentro de nosso peito e nossa alma!
Por inúmeras vezes chamei a tua atenção para mim, por diferentes motivos, e por tantas vezes recebi o teu carinho e a tua atenção.
Quando você sumiu da net, eu me preocupei, e ao saber de tua luta eu me enterneci. Entendo bem o que você esta passando neste momento.
Por minha vez, só a companhia de amigos, suas palavras doces e mansas, seus olhares ternos, suas mãos mais firmes do que as minhas, os seus puxões de orelha, enérgicos, foram o que me possibilitaram continuar...
E agora estou querendo ser esta companhia para ti! Este carinho, estes olhares, esta voz!
Estes puxões de orelha, que querem dizer-te: Não desista! Insista na fé em nosso grande Pai!
Confie, por mais que a tua confiança queira falhar!
E conte comigo, conte com minha fé, minha esperança, de que tudo se dará para melhor!
Eu e minha esposa estamos contigo, agora, como muitos amigos teus, que acorrendo ao meu sitio, demonstraram por ti um carinho e amor encantador!
Fiquei feliz em dar noticias de ti!
Alegrei-me por poder estar a teu lado, mesmo virtualmente, nesta hora!
As almas carecem de bem mais do que contatos físicos...
Estes por mais que sejam bons, não transmitem a totalidade do que se passa em nossas almas!
Eu estou rompendo o meu silêncio... Eu estou entrando neste momento na tua necessidade de paz!
Mas existem horas que falar é importante!
Existem momentos em que procuramos por alguma paz, precisamos fazê-lo conscientes de que não estamos sós!
Com carinho e afeto lhe escrevo estas linhas, com uma amizade que nem sei bem de onde vem, mas sei que existe, forte e intensa em mim, em nós...
Quando ler estas palavras por favor sorria!
Se quiser chorar, chore, mas não é esta a minha intenção!
O teu sorriso será certamente um belo sol, que rompendo as brumas densas de teu desespero e de tua dor, farão um grande bem a quem esteja contigo na hora da leitura desta carta, ou após...
Quero um sorriso em tua face, que seja pura esperança.
Não em mim, nem só em minhas palavras, que creia me vem de dentro do coração, pois não se esqueça eu entendo o que você esta passando, nem somente em quem esta cuidando de teu pai, tenha esperança em Deus, em Seu filho, que zela e cuida incansavelmente por todos nós!
Eu fico aqui no virtual, esperando por boas notícias...
E permita-me dar-lhe um grande abraço, com braços etéreos, imateriais...
Permita-me estar contigo em pensamentos!
Permita-me seguir contigo este pedaço de estrada, embora os passos seja apenas você quem poderá dar...
Permita-me e estarei feliz!
Permita-me e assim terei cumprido o meu papel, de amigo, de irmão...
Assim você estará mais feliz! Pois não se sentirá tão só!
Um abraço fraterno
 
Edvaldo Rosa
13/03/2010
WWW.SACPAIXAO.NET  
 
 
 
 
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 13/03/2010


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr