Textos


À ESPERA DA MULHER AMADA...


Estou à espera da mulher amada,
Que vem de algum lugar, distante,
Dum tempo em que esteve de mim isolada,
Esperando-me, talvez numa janela plantada!
Espero a mulher conhecida,
Com um sorriso na face, escancarado,
Braços abertos, afeitos a meus braços...
Nem sei se quem vem,
Será a mulher esperada!
Talvez venha uma estranha,
Irada, mal humorada, a sozinha, a desamparada!
Não sei...
Que venha pelo menos a mulher amada!
Aquela que vem aquele que a espera...
Numa espera angustiada,
De quem não a reteve em seus braços,
Nem ao alcance dos lábios,
Que a desejam com uma loucura indisfarçada!
Sei que vem a mulher silenciosa,
Que nem me lançou a voz num telefonema...
Sei que vem...
Mas quem é que vem?
Espero que venha a mulher amada!
Qualquer outra será inesperada!
 
Edvaldo Rosa
04/12/2010
WWW.SACPAIXAO.NET
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 04/01/2010
Alterado em 05/01/2010


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr