Textos


DE REPENTE UMA RUPTURA...
 
E vivendo as horas e os dias serenamente,
Vamos seguindo com calma...
De repente uma ruptura!
Uma fissura na estrutura da vida,
E por ela vêm as mágoas,
Vem as lágrimas...
Vem o sofrimento!
Algo querendo coexistir com a vida calma,
Caminhar passo a passo
Por  todo o nosso espaço de caminhada!
De repente o inesperado!
O acaso mostrando a sua cara!
De repente tudo vira de cabeça para baixo,
E só o que nos salva e ampara
É a força que trazemos na alma...
Esta sim, que por mais que mude,
É sempre a mesma...
O existir, o inesperado, o que não muda,
Apenas lhe apura os sentidos
E define a sua consciência de seus espaços!
 
Edvaldo Rosa
05/12/2009
WWW.SACPAIXAO.NET
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 06/12/2009


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr