Textos


AMOR DIVIDIDO... 
 
 
Meu coração já nem tem boca,
Com a qual lhe fale de meu amor...
Sinto ser, uma voz pouca e rouca,
Que só exprime tristeza e dor...
Como dizer-lhe o que já foi dito?
Repassar o mesmo caminho das palavras,
Reprisar os sentimentos já sentidos...
Se você não compreende
Ou nem quer compreender
O sentido em minhas palavras...
E a intenção de meus atos contigo?
Se a boca em meu peito murmura ou se cala,
A minha alma à sua se escancara,
Querendo lembrá-lo
De nosso amor...
E assim tenho estado dividida,
Entre o silêncio e o grito,
E o nosso amor se dissipa,
E nossas vidas se encaminham
Em diferentes estradas...
 
 
Edvaldo Rosa
06/09/2009
WWW.SACPAIXAO.NET
 
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 24/11/2009


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr