Textos


Último encontro!

Não sei ainda hoje
por que fui te expulsar de meu coração,
se ainda revejo teus/ nossos caminhos,
e lembro tão vivos os nossos carinhos,
que sinto em mim o calor do toque de suas mãos...
Não sei por que fui te expulsando,
de meu corpo,
se ainda sinto na boca o gosto,
tão doce e tão quente
de teus beijos ardentes, em meus beijos suplicantes!
Não sei ainda hoje,
por que te fiz chorar...
Se antes no seu sorriso,
encontrava alento, e o intento, para caminhar!
Falta-me algo, aqui e agora,
nestas horas em que passo a pensar!
Talvez a luz de teus olhos,
da tua boca o som...
E em meu peito,
o bater descompassado do teu peito...
Não sei ainda agora,
se sorri ou chora,
sei apenas das distâncias,
das ausências e das lembranças,
que em mim aflora!
É como se o tempo houvesse se congelado,
no momento de nosso último encontro,
que embora a muito acontecido,
para meu corpo, minha mente, meus sentidos,
acontece agora!

10/07/2006
Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 10/07/2006


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr