Textos


Línguas...

Línguas...
a que falo,
a que calo,
a que faço calar!
A que pouco ouço,
a que escuto com desejo,
a que numca almejo, escutar!
Línguas...
mecanismo e intento,
que me penetra boca adentro...
-Faca afiada sobre meus desejos,
que deseja me excitar!
Línguas,
cheias de encantos e simbolos,
outras impossivéis de encantar!
Línguas...
tem as que compreendo,
outras difíceis de decifrar!
Línguas...
prefiro as das crianças,
que lançam esperanças,
em seu balburciar!
Línguas...
As escolho, para recostar os ouvidos, quando posso,
Pois sendo carne, nem tem ossos...
Mas ossos podem quebrar!
Línguas...
Eu desejo, entre todas, a mais doce...
Que faz com que estale a minha no céu da boca:
A tua, quando louca,
como seta, voando ao céu de minha boca,
vem a minha beijar...

Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net 
http://www.ferool.info/lingua3.htm

Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 25/01/2006
Alterado em 07/11/2006


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr