Textos


JAMAIS...
 
No instante em que ficaria longe de teus abraços,
- Instante de êxtase e um misto de tristeza e alegria...
Em que gemiam uníssonas nossas bocas libertinas,
E nossas almas dançavam juntas
Dentro de nossos corpos amarrotados...
Nossas mãos atadas feito correntes, feito laços
Diziam confidências uma á outra, em colóquio reservado:
-Te quero ainda mais...
Só que as minhas num aperto mais delicado,
Ante o instante final de nosso amor e de meu pecado,
Com todas as forças de minhas entranhas também gritavam:
- Não vá embora, outra vez, jamais!
 
Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
28/08/2018
 
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 29/05/2019
Alterado em 29/05/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr