Textos


COMO UMA FLOR...


Olho em teus olhos docemente,
Procurando o profundo de tua alma,
Que me vem pelo teu olhar com tanta calma,
Que tanto me cativa quanto me assusta profundamente!
Diante de ti as minhas vergonhas saltam a olhos vistos,
Diante de ti, tenho a impressão que minhas dores são nada!
E não passam de murmúrios as lamurias minhas,
Que se não fossem dores minhas, seriam uma quase vil piada!
Mas é que cada dor dói conforme a gente que a sente,
E não dói conforme a ela se encara...
Sei apenas que olho em teus olhos docemente,
Pois como uma flor,se possível fosse, teu olhar docibilidade exala!

Edvaldo Rosa
www.sacpaixao.net
19/02/2018
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 19/02/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr