Textos


Existem muitas mulheres em mim...



Antes que este mês se acabe, venho levantar a minha voz, para exaltar as mulheres, lembrando apenas que elas não merecem ser lembradas apenas nos oito de março anuais, mas sim diariamente...
As mulheres são pilares importantes, nas vidas de todos, tanto no seio familiar, quanto no comunitário, quanto no social...
Dentro das famílias elas são naturalmente pilares de sustentação, e hoje em dia, transformaram-se muitas vezes nos únicos apoios em que se pode contar...
No âmbito do comunitário, quantos não são os avanços conseguidos a mercê de sua atuação firme e decidida! Na esfera do social, um pouco atrelada à atuação nas comunidades, o papel da mulher também tem destaque e importância...
Assim, esta exaltação ás mulheres, que ora faço, procura tocar em suas mais diversas facetas sem deixar de lado o seu lado humano, tão sensível e carismático que muitas vezes se constitui em um mistério a ser desvendado por todos os homens...
Como poeta tenho caminhado por esta senda de mistérios que é a alma e o coração femininos, assinalando sempre a interdependência entre o universo masculino e o feminino, relação esta que creio carecer de mais entrosamento e compreensão por ambas as partes...
Como homem, não posso esquecer a presença feminina em minha construção, presença esta, forte e resoluta que pôde formar-me assim como sou...
Presença esta que também ajuda na definição do que eu não sou!
Existem muitas mulheres em mim...
Assim, antes deste dia 08 de Março próximo, levanto a minha voz para exaltar, homenagear, honrar a todas as mulheres, das que privam de meu amor, ás que nem conheço.
Neste dia volto o meu olhar àquelas mulheres batalhadoras deste país, do mundo, que tudo fazem e tudo suportam, tudo enfrentam pelo bem próprio e dos seus...
Direciono o meu pensamento àquelas mulheres que não o fazem!
Pois, todo ser humano necessita de um pouco de compreensão... E erros não são apenas femininos ou masculinos!
Exalto assim a todas as mulheres neste dia, pois sem elas não existiríamos.
Exalto as mulheres que existem dentro de mim, pois somente respeitando o que me constitui é que eu poderei respeitar e honrar as mulheres que mal ou pouco conheço!
E pensando nisto, a minha vida poética não existiria sem a presença feminina!
Feliz dia das mulheres e sempre...
Para a minha felicidade as almas femininas, são e_ternas, e são por isso merecedoras de honras infinitas, bem mais do que qualquer data de calendário, que estão sujeitas aos modismos das eras, aos caprichos do tempo, e aos esforços de cronistas e poetas que teimam em desvelar os seus mistérios, com suas melhores letras...

Edvaldo Rosa
wwww.sacpaixao.net
08/03/2016


Crônica presente em http://revista.plenaidade.com/dia-da-mulher/ págs. 32 e 33.







 
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 10/11/2016
Alterado em 10/11/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.


Comentários