Textos


AS COISAS MUDAM...


As coisas mudam de lugar,
como mudam o estado de ser,
o que é deixará de ser,
o que não é ainda o será!
Sei-o porquê sinto,
pressinto em todas as fibras de meu ser!
Tanto que me estranho, estando comigo...
Estou tão diferente de mim mesmo
em relaçao do inicio;
de quando nem conhecia você!
Por teu amor cruzei espaços,
nos teus braços
triste deixei de ser...
E mesmo agora,
tú transformas, renovas o meu viver!
Nem tenho idéia do que amanhã serei
com vovê!
Sei porquê sinto,
em todas as fibras de nosso ser,
que se mesclam em nossos momentos...
Nossos momentos de amor,
momentos de prazer!
Tanto que me estranho tanto comigo,
tão diferente de mim mesmo,
de quando eu não vivia em você!

11/01/2008

Edvaldo Rosa

www.sacpaixão.net
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 26/05/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr