Meu Diário
26/08/2005 11h33
Um alô de um amigo!
Na vida a gente não pode esperar apenas aplausos e ovasões de alegria, por vezes uma palavra mais austera faz um grande bem, bem maior do que aquela palavra doce e confortante!
Hoje um amigo me manda uma mensagem, e em vez de falar apenas das belezas de nosso trabalho, indica as dificuldades de nossa atividade! E mais, lança com alegria as mãos para ajudar a caminhar nesta estrada que escolhemos.
Amizade é isso!
E eu que nunca estive face a face com ele!
Lá vai a mensagem:


Santiago Dias escreveu:

Meu caro Edvaldo, parabens pela sua estreia na literatura. É um caminho árduo, mas vale a pena. Sou poeta desde os doze anos e só agora que começo a ter reconhecimento. Depois de trinta e poucos anos nesse caminho cheio de rosas e espinhos. Isso porque sou muito teimoso. Faço os meus livros porque trabalho com gráfica. Até hoje só consegui apoio dos amigos e graças a eles é que consegui publicar 4 livros de forma independente. Esses foram vendidos no velho esquema do baca a boca. Enfrentei os bares das noites de São Paulo, Minas, Rio e Vitória do Espírito Santo. Vendi uma soma de 25 mil livros e isso me tornou muito conhecido, mas há tempo não trabalho nas noites. Tenho participado de Shows com amigos para não ficar estagnado. Agora estou elaborando mais uma produção de cartões poéticos e vou voltar novamente para as noites paulistana. Se vc tiver esse pique posso te garantir êxito. Não desista, faça valer seus direitos poéticos. O mundo sem poesia não é nada.Quando alguém me pergunta se ainda sou poeta, eu respondo: \\\"Enquanto houver sangue nas veias e ar nos pulmões, seguirei poetando o AMOR e a LIBERDADE, e, ainda que eu tombe ferido da minha boca escorrerá um verso vivo.\\\"
Um abraço carinhoso desse parceiro de luta e sonhos chamado Santiago Dias. E vamos a luta que a estrada é longa. Boa Sorte!

A quem possa interessar:

NUNCA DESISTA DE SEU SONHO!

Publicado por Edvaldo Rosa em 26/08/2005 às 11h33
 
25/08/2005 15h56
Estou chegando agora!
Boa tarde a todos. Estou chegando agora! E em primeiro lugar vou agradecendo a Deus por estar aqui; prestes a colocar os meus pensamentos e sentimentos a mostra!
Desnudar-se, antes de mais nada é um problema!
As vezes o que mostramos não é o que queriamos que fosse visto, ou antes, mostramos mais do que realmente queriamos!
Ao desnudar-me, por vezes estarei mostrando a minha bagagem...
E nela esta certamente as lembranças que trago da vida!
As amizades, algumas delas tão caras!
As tristezas, algumas delas tão profundas que não se furtam em aparecer!(Algumas deveriam é ser esquecidas!)
Os amores! Quantos, deles, vem saltitantes, mostrar a cara a dizer:
- Estou aqui, e não podes negar-me!
E alguns deles inconfessados, que são tão secretos que são óbvios!
Nesta bagagem que trago comigo, trago lembranças de lugares e pessoas distantes...Se é que existe distância para a amizade!
Neste desnudar-me,ficará patente que se estivesse só,
não teria chegado a lugar algum... E ciente disso neste Blog outras pessoas poderão dar o ar da sua graça!(Se se desnudarão é uma coisa a se ver posteriormente!)
E é importante que assim seja! A solidão é uma droga!
O pior é que as vezes a gente se entope dela com medo de viver a própria vida!
Eu quero é me expor,viver e viver e viver!

Publicado por Edvaldo Rosa em 25/08/2005 às 15h56



Página 10 de 10 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 [«anterior]


Imagem de cabeçalho: Shandi-lee/flickr